'A Colmeia' foi publicado pela primeira vez em 1951. No livro, Camilo José Cela enfoca a vida em Madri, sem conformismo e outros disfarces, a qual serviu de ponte entre o realismo pós-guerra e as novas tendências dos anos sessenta. Os críticos nomearam de caleidoscópio sua técnica narrativa. Cela assemelha-se a um fotógrafo, que sai à rua com sua câmera na mão para retratar tudo que vê, apresentando assim a vida miserável de um grupo de pessoas na Madrid dos anos imediatamente posteriores à Guerra Civil Espanhola. São mais de trezentos personagens, muitos deles só nomeados, que se entrecruzam em três dias de dezembro por dois ou três bairros da cidade. Os temas abordados no romance são a humilhação, a pobreza, o aborrecimento, a repetição e a ameaça, o que dá um colorido todo especial àquele momento espanhol por volta de 1943. 'A Colmeia' é uma obra definitiva em que o leitor descobre em cada página um novo matiz para completar esse espectro narrativo que surge da decomposição da realidade causada não só pela miséria, como pela fome do pós-guerra, na visão de Camilo José Cela.

 

Ed. Bertrand Brasil - 416 pág. - brochura

 

A COLMÉIA - Camilo José Cela

R$47,92
A COLMÉIA - Camilo José Cela R$47,92
Entregas para o CEP:

Meios de envio

'A Colmeia' foi publicado pela primeira vez em 1951. No livro, Camilo José Cela enfoca a vida em Madri, sem conformismo e outros disfarces, a qual serviu de ponte entre o realismo pós-guerra e as novas tendências dos anos sessenta. Os críticos nomearam de caleidoscópio sua técnica narrativa. Cela assemelha-se a um fotógrafo, que sai à rua com sua câmera na mão para retratar tudo que vê, apresentando assim a vida miserável de um grupo de pessoas na Madrid dos anos imediatamente posteriores à Guerra Civil Espanhola. São mais de trezentos personagens, muitos deles só nomeados, que se entrecruzam em três dias de dezembro por dois ou três bairros da cidade. Os temas abordados no romance são a humilhação, a pobreza, o aborrecimento, a repetição e a ameaça, o que dá um colorido todo especial àquele momento espanhol por volta de 1943. 'A Colmeia' é uma obra definitiva em que o leitor descobre em cada página um novo matiz para completar esse espectro narrativo que surge da decomposição da realidade causada não só pela miséria, como pela fome do pós-guerra, na visão de Camilo José Cela.

 

Ed. Bertrand Brasil - 416 pág. - brochura