A ascensão do general Ernesto Geisel à Presidência da República, em 15 de março de 1974, tendo a seu lado o general Golbery do Couto e Silva no cargo de chefe do Gabinete Civil, marcou a volta ao poder dos dois militares que, dez anos antes, ajudaram a pavimentar o caminho que levou à implantação da ditadura no Brasil. Agora, eles voltavam para restabelecer o primado da Presidência da República sobre os militares.

Quase a metade de A ditadura derrotada é dedicada a biografar os dois personagens principais da trama, que vinham da classe média gaúcha. Geisel era filho de um imigrante alemão pobre, e Golbery, neto de um prateiro de Rio Grande. Nas grandes divisões da primeira metade do século passado, Geisel simpatizava com Mussolini; Golbery, com a Revolução Russa.

Ed. Intrínseca - 580 pág. - brochura

A DITADURA DERROTADA - Elio Gaspari

R$59,90
A DITADURA DERROTADA - Elio Gaspari R$59,90
Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$0,00
Entregas para o CEP:

Sucesso! Você tem frete grátis

A ascensão do general Ernesto Geisel à Presidência da República, em 15 de março de 1974, tendo a seu lado o general Golbery do Couto e Silva no cargo de chefe do Gabinete Civil, marcou a volta ao poder dos dois militares que, dez anos antes, ajudaram a pavimentar o caminho que levou à implantação da ditadura no Brasil. Agora, eles voltavam para restabelecer o primado da Presidência da República sobre os militares.

Quase a metade de A ditadura derrotada é dedicada a biografar os dois personagens principais da trama, que vinham da classe média gaúcha. Geisel era filho de um imigrante alemão pobre, e Golbery, neto de um prateiro de Rio Grande. Nas grandes divisões da primeira metade do século passado, Geisel simpatizava com Mussolini; Golbery, com a Revolução Russa.

Ed. Intrínseca - 580 pág. - brochura