Um dos livros mais explosivos do ano, A geração ansiosa investiga o colapso da saúde mental entre os jovens ― e oferece um plano urgente para uma infância mais saudável e livre de telas.

As crianças e os adolescentes estão em perigo. Desde o início dos anos 2010, as taxas de depressão, ansiedade e outros transtornos mentais têm crescido vertiginosamente nesses grupos. Em A geração ansiosa , o psicólogo social Jonathan Haidt explica as causas dessa epidemia e defende uma infância longe das telas.
O autor demonstra como a “infância baseada no brincar” entrou em declínio na década de 1980 e foi substituída pela “infância baseada no celular”, acompanhada por uma hiperconectividade que alterou o desenvolvimento social e neurológico dos jovens e tem causado privação de sono, privação social, fragmentação da atenção e vício. Ele também examina por que as redes sociais prejudicam mais as meninas e os motivos que levam os meninos a migrar do mundo real para o virtual, com consequências desastrosas para eles e as pessoas a seu redor.
Diante desse cenário catastrófico, Haidt mostra o que pais, professores, escolas, empresas de tecnologia e governos podem fazer na prática para reverter a situação e evitar danos psicológicos ainda mais profundos. Um plano de ação que não podemos nos dar ao luxo de ignorar, porque o que está em jogo não é apenas o bem-estar de nossas crianças, mas da sociedade como um todo.

 

Cia. das Letras - 1ª ed. - 2024 - 440 pág. - brochura

A geração ansiosa: Como a infância hiperconectada está causando uma epidemia de transtornos mentais - Jonathan Haidt

R$74,90
Frete grátis a partir de R$199,90
A geração ansiosa: Como a infância hiperconectada está causando uma epidemia de transtornos mentais - Jonathan Haidt R$74,90
Entregas para o CEP:

Meios de envio

Compra protegida
Seus dados cuidados durante toda a compra.
Trocas e devoluções
Se não gostar, você pode trocar ou devolver.

Um dos livros mais explosivos do ano, A geração ansiosa investiga o colapso da saúde mental entre os jovens ― e oferece um plano urgente para uma infância mais saudável e livre de telas.

As crianças e os adolescentes estão em perigo. Desde o início dos anos 2010, as taxas de depressão, ansiedade e outros transtornos mentais têm crescido vertiginosamente nesses grupos. Em A geração ansiosa , o psicólogo social Jonathan Haidt explica as causas dessa epidemia e defende uma infância longe das telas.
O autor demonstra como a “infância baseada no brincar” entrou em declínio na década de 1980 e foi substituída pela “infância baseada no celular”, acompanhada por uma hiperconectividade que alterou o desenvolvimento social e neurológico dos jovens e tem causado privação de sono, privação social, fragmentação da atenção e vício. Ele também examina por que as redes sociais prejudicam mais as meninas e os motivos que levam os meninos a migrar do mundo real para o virtual, com consequências desastrosas para eles e as pessoas a seu redor.
Diante desse cenário catastrófico, Haidt mostra o que pais, professores, escolas, empresas de tecnologia e governos podem fazer na prática para reverter a situação e evitar danos psicológicos ainda mais profundos. Um plano de ação que não podemos nos dar ao luxo de ignorar, porque o que está em jogo não é apenas o bem-estar de nossas crianças, mas da sociedade como um todo.

 

Cia. das Letras - 1ª ed. - 2024 - 440 pág. - brochura