Com enredos marcados pelo simbolismo e muitas vezes inspirado por seus constantes pesadelos, Lovecraft envolve o leitor em uma atmosfera tenebrosa, cujo desfecho é sempre surpreendente. Nessa coleção, composta por três livros, reunimos alguns dos contos clássicos do autor em uma caixa feita especialmente para colecionadores e amantes do Gênero.

Ed. Pandorga - 448 pág.

 

Cthulhu

A cor que caiu do céu

Sussurros na escuridão

O Chamado de Cthulhu e outros contos

O Chamado de Cthulhu é um dos contos de horror mais famosos de H. P. Lovecraft e marca o início de uma era "lovecraftiana" com uma linguagem própria é fantasiosa que chegou a inspirar jogos de RPG, bem como músicas e histórias em quadrinhos. A história é baseada numa mitologia imaginária em que um ser extraterreno muito poderoso espera ser trazido de volta à vida por seus adoradores. Um culto multimilenar sugere que determinadas circunstâncias cósmicas finalmente jogariam sobre a humanidade todos os horrores que essa criatura traria ao mundo. Fenômenos estranhos, pessoas enlouquecendo e pesadelos são alguns dos sinais que indicam que algo muito sinistro se aproxima. Além de explorar temas como a vantagem de manter alguns mistérios fora do alcance da compreensão humana. O livro traz ainda outros contos: "A música de Erich Zann", "Dagon", "Os gatos de Ulthar", "A verdade sobre Arthur Jermyn e sua família", "A casa abandonada"

Páginas: 175

A cor que caiu do Céu

A Cor que Caiu do Céu escrito em 1927 foi um marco na transição de Lovecraft, à ficção científica e um dos contos preferidos do autor.Nesta história, Lovecraft nos transporta para Arkham, um pequeno vilarejo em Massachusetts que será palco de uma história tenebrosa. Um narrador anônimo relata eventos que ocorreram a uma família logo após a queda de um misterioso meteorito de cor inominável, que transforma para sempre a vida do vilarejo. Ele ouve as lendas das pessoas da cidade e conhece Ammi Pierce, que vive ali desde os "dias estranhos" e é a única pessoa que conhece e ainda vive perto da charneca queimada.Trata-se de uma narrativa envolvente, rica em detalhes e descrições, onde o horror se faz presente em cada palavra, e que mergulha o leitor em um clima de mistério e terror cósmico.Nos outros contos deste volume, você poderá conferir por que Lovecraft é fonte certa para os roteiristas, escritores e artistas que o utilizam como referência em muitas de suas obras.

Páginas: 135

Sussurros na escuridão

Neste conto de horror cósmico, Lovecraft envolve o leitor em uma narrativa rica em detalhes, onde as Criaturas Siderais habitantes de Yuggoth – o nono planeta do sistema solar – invadem uma região em Vermont, fato que é atestado por um morador local que se comunica com um importante estudioso por meio de cartas. Trata-se de um conto eletrizante de realismo fantástico, com temática de ficção cientifica e recheado de discussões, onde a abordagem principal se dá em relação à existência de outras galáxias e dos seres que nelas habitariam, além de sua nefasta ligação com a raça humana. O leitor anseia pelo fim e não decepciona com a profusão de emoções conflitantes vivenciadas, que combinam tensão, angústia, pavor e desespero, até colocá-lo diante da surpresa final. E o desfecho é simplesmente épico.

Páginas: 135

H. P. LOVECRAFT - Os melhores contos - Caixa com 3 volumes

R$79,90
H. P. LOVECRAFT - Os melhores contos - Caixa com 3 volumes R$79,90
Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$120,00
Entregas para o CEP:

Frete grátis a partir de R$120,00

Com enredos marcados pelo simbolismo e muitas vezes inspirado por seus constantes pesadelos, Lovecraft envolve o leitor em uma atmosfera tenebrosa, cujo desfecho é sempre surpreendente. Nessa coleção, composta por três livros, reunimos alguns dos contos clássicos do autor em uma caixa feita especialmente para colecionadores e amantes do Gênero.

Ed. Pandorga - 448 pág.

 

Cthulhu

A cor que caiu do céu

Sussurros na escuridão

O Chamado de Cthulhu e outros contos

O Chamado de Cthulhu é um dos contos de horror mais famosos de H. P. Lovecraft e marca o início de uma era "lovecraftiana" com uma linguagem própria é fantasiosa que chegou a inspirar jogos de RPG, bem como músicas e histórias em quadrinhos. A história é baseada numa mitologia imaginária em que um ser extraterreno muito poderoso espera ser trazido de volta à vida por seus adoradores. Um culto multimilenar sugere que determinadas circunstâncias cósmicas finalmente jogariam sobre a humanidade todos os horrores que essa criatura traria ao mundo. Fenômenos estranhos, pessoas enlouquecendo e pesadelos são alguns dos sinais que indicam que algo muito sinistro se aproxima. Além de explorar temas como a vantagem de manter alguns mistérios fora do alcance da compreensão humana. O livro traz ainda outros contos: "A música de Erich Zann", "Dagon", "Os gatos de Ulthar", "A verdade sobre Arthur Jermyn e sua família", "A casa abandonada"

Páginas: 175

A cor que caiu do Céu

A Cor que Caiu do Céu escrito em 1927 foi um marco na transição de Lovecraft, à ficção científica e um dos contos preferidos do autor.Nesta história, Lovecraft nos transporta para Arkham, um pequeno vilarejo em Massachusetts que será palco de uma história tenebrosa. Um narrador anônimo relata eventos que ocorreram a uma família logo após a queda de um misterioso meteorito de cor inominável, que transforma para sempre a vida do vilarejo. Ele ouve as lendas das pessoas da cidade e conhece Ammi Pierce, que vive ali desde os "dias estranhos" e é a única pessoa que conhece e ainda vive perto da charneca queimada.Trata-se de uma narrativa envolvente, rica em detalhes e descrições, onde o horror se faz presente em cada palavra, e que mergulha o leitor em um clima de mistério e terror cósmico.Nos outros contos deste volume, você poderá conferir por que Lovecraft é fonte certa para os roteiristas, escritores e artistas que o utilizam como referência em muitas de suas obras.

Páginas: 135

Sussurros na escuridão

Neste conto de horror cósmico, Lovecraft envolve o leitor em uma narrativa rica em detalhes, onde as Criaturas Siderais habitantes de Yuggoth – o nono planeta do sistema solar – invadem uma região em Vermont, fato que é atestado por um morador local que se comunica com um importante estudioso por meio de cartas. Trata-se de um conto eletrizante de realismo fantástico, com temática de ficção cientifica e recheado de discussões, onde a abordagem principal se dá em relação à existência de outras galáxias e dos seres que nelas habitariam, além de sua nefasta ligação com a raça humana. O leitor anseia pelo fim e não decepciona com a profusão de emoções conflitantes vivenciadas, que combinam tensão, angústia, pavor e desespero, até colocá-lo diante da surpresa final. E o desfecho é simplesmente épico.

Páginas: 135