Bauman oferece um apaixonado e necessário depoimento acerca da sociologia e sua função crítica na construção de um mundo menos hostil.

O que é sociologia? Por que fazer sociologia? Como fazer? Qual o seu alcancer

Essas quatro perguntas são respondidas por Zygmunt Bauman, o mais brilhante sociólogo de nosso tempo, numa série de conversas com Michael Hviid Jacobsen e Keith Tester. Bauman esclarece, em depoimento apaixonado e envolvente, os princípios que regem seu próprio trabalho, sua vida e sua carreira.

Ele reconhece as ideias que o influenciaram e relata como acabou por construir um conjunto de conceitos para interpretar o mundo contemporâneo - como a ideia central de "liquidez" -, explicando por que se afastou da corrente geral da sociologia, que caracteriza nossa época como "pós-moderna".

Esse livro é um apelo para deixarmos de ser vítimas das circunstâncias e tomarmos nas mãos o rumo de nossa história.

Ed. Zahar - 136 pág. - brochura

PARA QUE SERVE A SOCIOLOGIA? Diálogos com Michael Hviid Jacobsen - Zygmunt Bauman

R$56,90
PARA QUE SERVE A SOCIOLOGIA? Diálogos com Michael Hviid Jacobsen - Zygmunt Bauman R$56,90
Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$0,00
Entregas para o CEP:

Sucesso! Você tem frete grátis

Bauman oferece um apaixonado e necessário depoimento acerca da sociologia e sua função crítica na construção de um mundo menos hostil.

O que é sociologia? Por que fazer sociologia? Como fazer? Qual o seu alcancer

Essas quatro perguntas são respondidas por Zygmunt Bauman, o mais brilhante sociólogo de nosso tempo, numa série de conversas com Michael Hviid Jacobsen e Keith Tester. Bauman esclarece, em depoimento apaixonado e envolvente, os princípios que regem seu próprio trabalho, sua vida e sua carreira.

Ele reconhece as ideias que o influenciaram e relata como acabou por construir um conjunto de conceitos para interpretar o mundo contemporâneo - como a ideia central de "liquidez" -, explicando por que se afastou da corrente geral da sociologia, que caracteriza nossa época como "pós-moderna".

Esse livro é um apelo para deixarmos de ser vítimas das circunstâncias e tomarmos nas mãos o rumo de nossa história.

Ed. Zahar - 136 pág. - brochura