A autobiografia de Charles Mingus 

O jazz - mais do que qualquer outra arte - foi a principal arma na luta contra o racismo nos Estados Unidos. E raros jazzistas foram tão combativos como Charles Mingus (1922-1979), contrabaixista que ultrapassou o papel de coadjuvante do seu instrumento para se tornar um importante compositor e uma das vozes mais destacadas da música americana do século XX. Mingus tocou com figuras históricas como Louis Armstrong, Duke Ellington, Lionel Hampton, Charlie Parker e Miles Davis, mas foi como líder de grupos formados por músicos relativamente desconhecidos que marcou a sua participação na cultura do nosso tempo. Mais que um simples músico, Mingus foi um homem atuante, sensível aos problemas sociais e humanos que o cercavam. Uma crise o levou a se auto-internar no hospital psiquiátrico de Bellevue, em Nova York - episódio cujo horror transmite sem reservas nesta autobiografia. Raiva e indignação misturam-se a amor e humor no relato do músico. 

Jorge Zahar Editor - Brochura - -272 pág.

SAINDO DA SARJETA - Charles Mingus

R$59,90 R$47,80
Frete grátis
SAINDO DA SARJETA - Charles Mingus R$47,80

A autobiografia de Charles Mingus 

O jazz - mais do que qualquer outra arte - foi a principal arma na luta contra o racismo nos Estados Unidos. E raros jazzistas foram tão combativos como Charles Mingus (1922-1979), contrabaixista que ultrapassou o papel de coadjuvante do seu instrumento para se tornar um importante compositor e uma das vozes mais destacadas da música americana do século XX. Mingus tocou com figuras históricas como Louis Armstrong, Duke Ellington, Lionel Hampton, Charlie Parker e Miles Davis, mas foi como líder de grupos formados por músicos relativamente desconhecidos que marcou a sua participação na cultura do nosso tempo. Mais que um simples músico, Mingus foi um homem atuante, sensível aos problemas sociais e humanos que o cercavam. Uma crise o levou a se auto-internar no hospital psiquiátrico de Bellevue, em Nova York - episódio cujo horror transmite sem reservas nesta autobiografia. Raiva e indignação misturam-se a amor e humor no relato do músico. 

Jorge Zahar Editor - Brochura - -272 pág.